Pages

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Masturbação sem pensar... é pecado?



A masturbação é pecado quando a praticamos com pensamentos ilícitos, mais quando a praticamos só para sentir aquela sensação, sem pensar em sexo, ela é mesmo assim pecado ?

O maior e principal órgão sexual do corpo humano é o cérebro. As atividades sexuais são desejadas, programadas, e realizadas sob seu comando. Se o cérebro estiver realmente em repouso sexual, quando houver necessidade de liberação do organismo, nesse sentido, ele se encarregará de fazê-la à noite, por meio da polução noturna (o que nem sempre é necessário, e se não houver esta necessidade, o repouso é mais absoluto), caso contrário, ele precisará ser reeducado.

A questão da masturbação não ser uma prática liberada dentro da igreja não se dá somente pelo fato de, na maioria das vezes, envolver pensamentos ilícitos. A questão é que, através da masturbação, conseguimos e encontramos prazer por nós mesmos e podemos nos "acostumar" a nos "auto satisfazermos", sem dependermos positivamente e de forma saudável de uma outra pessoa. Deus criou homem e mulher também com o objetivo de um satisfazer as necessidades sexuais do outro, sendo, esta, uma das formas de demonstração do amor.

Claro que a sexualidade está restrita ao casamento e, por isso, só poderemos buscar o prazer sexual no outro quando estivermos casados. Por isso, toda a energia e o desejo sexual que possa vir antes de estarmos casados pode e deve ser canalizada para outras atividades que não o auto estímulo sexual (masturbação) ou o ato sexual em si.

Procure receber o afeto e reconhecimento que precisa, extravasar as suas energias, matar o seu senso de curiosidade, etc., dirigindo-se a boas fontes, escolhendo boas amizades, bons lugares para frequentar, etc., selecionando e escolhendo as atividades com sabedoria. Por exemplo: se os hormônios estão à flor da pele, extravase as energias praticando um bom esporte.


Leia todo o Salmo 51 e separe dali os versículos que lhe forem necessários para serem a sua oração diária, como por exemplo, o verso 10, que diz: “Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável”.


Aceso Teológico
Naldo JB

0 comentários:

Postar um comentário